Ecommerce de SucessoO e-commerce é uma prática bastante difundida no Brasil. O comércio online, ou e-commerce, tem ganhado força nos últimos anos no Brasil, sendo bastante difundido atualmente.

Estima-se que as relações comerciais na internet tenham crescido em 2018 aproximadamente 12% em relação àquelas ocorridas no ano anterior, o que permitiu o faturamento de cerca de sessenta milhões de reais, um número impressionante.

O mercado eletrônico só tende a crescer, uma vez que a internet mudou a forma como pessoas se relacionam entre si e também com empresas, de forma que estas migraram para o universo online, algo que foi necessário para que não se tornassem defasadas.

Diante desta intensa migração das empresas para a internet, onde não só promovem vendas, mas também se relacionam e se apresentam ao seu público, são necessárias medidas que possam alavancar e destacar certo produto ou serviço, não bastando que apenas se esteja na internet.

A seguir iremos apresentar 5 dicas para ter um e-commerce de sucesso.

1. Facilite a vida do seu cliente

Dentre as reclamações mais comuns dos consumidores que buscam realizar compras ou fazer contato com a empresa de maneira online é a falta de simplicidade nos processos de e-commerce, assim como a disponibilização confusa das sessões e a existência de inúmeras abas ou passos a serem seguidos para concluir a ação.

A popularidade do seu comércio online, portanto, está atrelada à facilitação do site, disposição inteligente e rapidez com que as ações internas, principalmente as compras pelo consumidor, sejam realizadas. Quanto mais curto e simples for o processo, mais as suas vendas serão impactadas positivamente e permitirão o desenvolvimento de um e-commerce de sucesso.vendas pela internet

Um bom parâmetro a ser seguido para saber se os processos de sua página online estão adequados à simplicidade requerida é dado pelo Sebrae, que revela que os processos são considerados fáceis e rápidos quando sua demanda exige que se dê no máximo três cliques para a conclusão da compra ou interação com a marca.

Outra forma de facilitar é permitindo que o cliente realize um cadastro com informações básicas (nome, CPF, endereço) que são preenchidas automaticamente. Há a possibilidade de que até mesmo o número do cartão de crédito fique salvo para acesso pelo consumidor que apenas deverá preencher o campo do código de segurança.

A facilidade demanda, portanto, que o empresário também invista em programas de segurança para o site, que permitam que o cliente se sinta à vontade para registrar dados de natureza pessoal e financeira.

2. Cuidados com a apresentação de seu e-commerce

Neste momento é importante lembrar que menos às vezes significa mais. De nada adianta você colocar inúmeras informações e imagens que disputam espaço no layout de sua página que irão atrasar o carregamento dela assim como não apresentarão, logo de cara, as informações mais importantes buscadas pelo consumidor.

Isto leva automaticamente à violação da dica anteriormente dada, quanto à necessidade de descomplicar a vida do consumidor. O carregamento de uma página deve ocorrer em até cinco segundos, pois maior tempo tende a causar irritação do consumidor que despende muito tempo para ter acesso ao site. O respeito à paciência do cliente é algo que deve ser levado em conta.

Além disto, um layout simples e ao mesmo tempo organizado é ideal para a apresentação do seu site e na construção de um e-commerce de sucesso na medida em que evita a poluição da página e facilita o consumidor a encontrar o que procura.

3. Mobilidade

O sucesso de suas vendas e da atração do público não depende apenas da inclusão da empresa no meio digital por meio da criação de um site. É necessário que se pense além e sempre se leve em consideração a rotina e costumes de nossa época.

Tendo-se em mente que as pessoas estão conectadas basicamente 24 horas e para isso não necessitam mais estar simplesmente à frente de um computador, deve-se pensar em formas de que sua marca seja acessada, também, por meios móveis como celulares e tablets.

Há formulações específicas que podem ser feitas para determinar a forma como o conteúdo do site se mostra para quem acessa pelo celular, por exemplo, pois o tamanho da tela e a possibilidade de carregamento devem ser considerados.

e-commerce
Internet shopping

Além disso, pode-se ir além da simples página online e se investir no desenvolvimento de aplicativos de instalação própria para o dispositivo móvel. Lembre-se que o aplicativo deve manter a imagem já existente da empresa e, ainda, levar em consideração o tamanho demandado para instalação e as facilidades internas dele, que deve ser simples e prático.

4. Capriche nas imagens

As imagens sobre os produtos oferecidos no seu site ou sobre os efeitos causados naquilo em que se aplica devem ser de qualidade. Além da beleza das imagens interferir na atenção do público, sua definição e qualidade permitem que o futuro consumidor possa deslumbrar o produto de modo mais detalhista, de forma que devem existir imagens de diversos ângulos do objeto.

Algo interessante é que o produto apareça sendo utilizado, pois assim o cliente poderá visualizar a melhor forma de utilizá-lo. Caso o produto tenha mais uma cor no mesmo modelo também é importante que constem imagens de todas as cores existentes, pois isto evita decepções do consumidor em razão do tom exato da coloração, assim como alterações causadas pela reação entre ela e o material do produto.

Um e-commerce de sucesso também pode incluir pequenos vídeos (cuja qualidade também deve ser levada em conta) em que o produto apareça sendo utilizado ou mostrado conjuntamente a explicações que levem em conta as dúvidas mais comuns do público.

5. Aplicação de técnicas de SEO

A utilização de técnicas de SEO impactarão positivamente na otimização, ranqueamento e consequentes conversões em seu site. Estudar estas regras ou contratar um profissional do marketing digital para lhe auxiliar é, portanto, essencial a um e-commerce de sucesso.

Com a aplicação destas 5 dicas você poderá aumentar não só o acesso ao seu site, mas também a relação com o púbico e o número de vendas realizadas.

4.00 avg. rating (80% score) - 1 vote

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *