O AMP para WordPress é um acrônimo para Accelerated Mobile Pages ou “Acelere a velocidade das páginas para celular”.

amp para wordpress

Este é um novo formato para páginas que se movem rapidamente. O Google implementou este formato visando auxiliar no carregamento mais ágil das páginas.

Obviamente, o objetivo é que o internauta possa acessar rapidamente as informações que procura, independente do dispositivo escolhido para o acesso.

Além disso, auxilia no ranqueamento das páginas, visto que por indexar mais rápido, aumentam as chances de conquistar o público, aumentar as visitas, melhorando o posicionamento.

Por que o tempo de carregamento das páginas fazem diferença no seu tráfego?

Todos nós sabemos agora que o Google leva em consideração o tempo de carregamento da página em seu algoritmo.

Ter um site rápido para carregar tornou-se essencial. Este é um bom ponto para SEO, mas também para não perder o internauta que vai deixar o site se demorar muito para aparecer.

No desktop, não é muito complicado ter um bom tempo de carregamento (e ainda), basta otimizar o peso das imagens e o código de cada página.

O uso de plugins como o WordPress WP Rocket (plugin cache) e o Imagify (para imagens) pode ser uma solução viável para o uso de desktops.

No entanto, para smartphones, se torna um pouco mais complicado, visto que o carregamento está condicionado à conexão, e se estiver fraca, o carregamento pode ficar muito lento, tornando-se inacessível.

Em um mundo onde mais de 50% dos usuários da Internet são usuários móveis, uma solução teve que ser encontrada.

AMP para WordPress: a solução do Google para carregamento

O Google nos oferece AMP, que é um formato de página móvel super leve para carregamento super rápido.

O objetivo é reduzir e simplificar a estrutura de uma página para exibição quase imediata. Alguns sites podem economizar até 80% mais tempo de carregamento.

Além disso, parece que o Google está melhorando o posicionamento das páginas AMP (a confirmar).

Como funciona o AMP para WordPress?

É muito simples, AMP no WordPress irá transformar o design das suas páginas móveis para simplificá-lo, torná-lo muito básico.

Deve-se observar que o formato AMP se destina principalmente a postagens de blogs. Existem prós e contras nisso, que discuto um pouco abaixo.

Por que mudar suas páginas do AMP para WordPress?

Existem duas razões principais: oferecer tempos de carregamento mais rápidos para seus clientes e obter SEO.

A quem elas são importantes?

As páginas AMP são particularmente relevantes para produtores de conteúdo. Se você não tiver uma seção de blog em seu site, pode esquecer o formato AMP no WordPress.

amp para wordpress

Mas como produzir conteúdo diariamente é uma ótima maneira de fazer SEO, não vejo por que você não teria um blog.

As páginas AMP também não são relevantes para você se apenas uma pequena parte do seu tráfego vier de dispositivos móveis.

No meu site, o tráfego de celular é inferior a 20%, então não habilitei as páginas AMP. Se o seu site já é muito rápido no celular, isso também não é da sua conta.

Vantagens do formato AMP para WordPress

  • O AMP é gratuito e de código aberto.
  • AMP melhora o tempo de carregamento das suas páginas do WordPress
  • O Google parece favorecer as páginas AMP nos resultados de pesquisa, então isso é um ganho de tráfego adicional e um SEO geral melhor.
  • O formato é bastante recente e, portanto, precisa evoluir e melhorar ainda mais o desempenho e a personalização das páginas AMP.

Desvantagens do AMP para WordPress

  • Alguns plug-ins podem entrar em conflito com plug-ins AMP do WordPress e criar bugs no site
  • O design das páginas móveis é muito simplista. Você perderá complementos sociais, artigos relacionados e imagens em destaque. O formato pode impactar suas conversões se você usar formas de captura ou botões em seus posts, pois eles irão desaparecer.
  • Remover o formato AMP no WordPress não é realmente fácil

Como instalar o Google AMP no WordPress?

Existem principalmente 2 plug-ins WordPress no mercado:

  • AMP: plugin oficial fácil de instalar, mas não muito poderoso
  • AMP para WP: plugin mais complexo de configurar, mas também muito mais poderoso, especialmente para personalizar o design.

Não importa qual plugin você escolha, há um critério muito importante a ser levado em consideração.

amp para wordpress

O formato AMP duplicará as páginas existentes, portanto, tome cuidado com o conteúdo duplicado entre a página base e a página AMP.

Os dois plugins que apresento adicionam automaticamente uma tag canônica que indica ao Google que as duas páginas são idênticas e que deve levar em consideração a página AMP e não a página básica.

Suas páginas do WordPress em formato AMP serão exibidas apenas para o usuário da Internet nas páginas abertas no mecanismo de pesquisa.

Se o usuário da Internet chega em uma página a partir de um link, por exemplo, a página “normal” será exibida.

Etapa 1: baixe o plugin AMP para WordPress

Primeiro, vá em “extensões” – “adicionar” e digite “AMP” na barra de pesquisa do WordPress. Instale o plugin “AMP” do WordPress.com.

Agora vá para as configurações do plugin. Uma nova guia “AMP” apareceu na barra lateral esquerda. Você tem então 3 opções de modelo:

  • Nativo
  • Emparelhado
  • Clássico

Você pode descobrir mais sobre esses modelos no site oficial do Google AMP. Por ter experimentado os 3, os dois primeiros fizeram bug no design do meu site enquanto o modo clássico funcionava perfeitamente.

É bom! O AMP está bem instalado no seu site. Você pode verificar isso acessando uma página para celular e uma página para desktop e adicionando / amp / no final do URL.

Etapa 2: vá para “Links permanentes”

Vá para as configurações do WordPress – “Permalinks” e clique em “Salvar alterações”. É uma etapa de validação simples.

Etapa 3: baixe o plug-in Glue for Yoast SEO & AMP

O design do site é muito simplista e se parece com qualquer outra página AMP. Você pode então instalar o plugin Glue for Yoast SEO & AMP para poder brincar um pouco mais com o design.

Instale o plugin diretamente em “extensions” – “add”. Você deve primeiro ter instalado e configurado corretamente o plugin Yoast SEO.

Na guia Yoast, uma nova entrada “AMP” aparecerá. Você pode então brincar com as cores para adaptar as páginas AMP do WordPress ao seu regulamento gráfico.

Etapa 4: adicione artigos relacionados

O design é muito simples, mas você pode modificá-lo acessando diretamente o CSS.

Tudo depende do que você deseja modificar, você encontrará muitos pequenos trechos de código na rede para modificar certos elementos de design.

Um dos mais importantes para mim é o recurso “artigos relacionados”. Ademais, um elemento importante para o SEO, pois permite ao usuário navegar para outro artigo assim que o atual estiver concluído. Isso me permite manter o usuário no site.

0.00 avg. rating (0% score) - 0 votes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *