Marketing tradicional x Marketing digitalEspecialistas afirmam que o marketing tradicional morreu. Qual o caminho a seguir agora?

Há bem pouco tempo, quando a televisão dominava a total atenção dos consumidores, era comum que, durante os programas do horário nobre, as empresas se acotovelavam nas telinhas e gastavam fortunas para empurrar suas marcas e produtos ao seu público-alvo.

Porém, esse cenário mudou rapidamente na última década. Com a propagação da internet e, principalmente, a popularização dos dispositivos móveis, os consumidores começaram a compartilhar sua atenção e, logo, estes últimos desbancaram o posto que a TV ostentou por anos: o de tela principal.

Dessa forma, tornou-se possível consumir em qualquer lugar e a qualquer hora, o que empoderou o consumidor e permitiu que ele ditasse as regras do jogo de marketing a partir daquele momento.

O consumidor, então, se tornou mais exigente e, devido à farta demanda, passou a buscar mais do que preço: hoje, ele procura qualidade e valores agregados às marcas.

A reinvenção do marketing tradicional

Mais do que desaparecer, o marketing tradicional se reinventou e cedeu espaço ao marketing digital. Mas, afinal, o que mudou com essa troca de lugares?

Ao assumir o controle, o consumidor é que diz o que ele procura, enquanto as empresas fazem o possível para entregar o melhor produto (ou serviço) possível, atendendo suas exigências e oferecendo algo a mais que vai diferenciá-la da concorrência e, assim, ser a escolhida.

Além disso, uma das principais mudanças que chegou juntamente com o marketing digital, foi a necessidade de segmentar as ações e estar presente onde o público está. Enquanto no passado o marketing tradicional se concentrava em implantar suas estratégias na TV, hoje é preciso pesquisar o mercado e descobrir por meio de qual canal (online e/ou offline) seu público consome.

A espera pela informação não existe mais

Dessa forma, o ato de se sentar em frente à televisão para esperar pelas informações dos produtos e serviços que o consumidor procura deixou de existir.

Isso não quer dizer que o marketing da TV não funciona mais. De acordo com dados do Google, mais da metade dos consumidores usam os dispositivos móveis para obterem mais informações sobre uma marca ou produto que viram na TV. Portanto, de protagonista, a TV passou a ter um papel secundário nas estratégias de marketing digital.

A internet possibilitou que toda sorte de produtos e serviços estejam ao alcance do cliente em apenas alguns cliques, independentemente de onde ele esteja ou horário em que o desejo de consumir aconteça.

Por isso, estar presente e disponível é essencial para que as estratégias de marketing digital alcancem o seu público de maneira eficiente.

Qual o valor de seu produto ou marca?

E, veja bem, não estamos nos referindo ao preço de mercado, e sim, ao que o seu produto e sua marca agregam à vida do seu público.

O marketing digital está mais ligado a esse fator do que a qualquer outro. Sua empresa é de games? Use o marketing digital para ensinar o seu público alguns truques para passar de fases. Você vende alimentos? Que tal mostrar em vídeo como o seu consumidor pode fazer receitas deliciosas em apenas 10 minutos? Você tem uma pousada na praia? Mostre a ele os locais que nem mesmo os residentes conhecem.

É assim que o marketing digital faz com que o seu produto se torne absolutamente indispensável na vida de seu público. Aproveite o momento!

 

 

0.00 avg. rating (0% score) - 0 votes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *