e-commerceO e-commerce é uma prática bastante difundida no Brasil. Em 2017, o comércio eletrônico cresceu cerca de 12% em relação ao ano anterior, chegando à marca impressionante de quase R$60 milhões de faturamento.

Para 2018, estima-se que haja um crescimento de 15%, mesmo com a economia brasileira em um estado preocupante.

Por mais atraente que os números sejam, o empreendedor que pretende ingressar neste segmento de comércio deve, primeiramente, buscar por qualificação.

Assim como em um site corporativo, ter um e-commerce não basta. É preciso se atentar a alguns fatores para que sua loja virtual ganhe visibilidade e cumpra o seu papel: vender.

Veja abaixo cinco dicas para ter um e-commerce de sucesso.

1. Facilite a vida do seu cliente

Uma das maiores reclamações dos clientes virtuais é a falta de simplicidade nos processos de compra online.

Por esse motivo, que seu e-commerce se torne popular e atraia mais visitantes é encurtar ao máximo o tempo para concluir uma compra.

Esse processo deve ser curto, simples e muito fácil para que possa ser realizado por qualquer pessoa. Uma boa referência de tempo, de acordo com o Sebrae, é que o cliente precise, no máximo, de três cliques para concluir sua compra.

Aproveite e utilize a permissão para armazenar dados para encurtar o processo ainda mais nas compras futuras.

2. Não exagere na apresentação de seu e-commerce

e-commercePense que quanto maior o número de elementos que colocar em seu layout, maior será o tempo de carregamento das páginas. Consequentemente, menor será a paciência do visitante.

O tempo médio de espera no carregamento das páginas não pode ultrapassar os 5 segundos. Caso contrário, você estará correndo o risco de perder um cliente em potencial para a concorrência.

Um layout simples, mas organizado e bonito é o ideal para apresentar seu e-commerce.

3. Seu e-commerce precisa ser móvel

Não é mais novidade de que as pessoas passam muito mais tempo navegando por dispositivos móveis do que sentadas em frente a um PC.

Assim, seu e-commerce precisa estar disponível e estruturado para ser acessado por smartphones e tablets.

Portanto, seu e-commerce deve ter um layout simples e funcional para que tanto os usuários de PC como os de dispositivos móveis consigam comprar facilmente.

4. Capriche nas imagens

e-commerceFotos de qualidade são essenciais para que seu e-commerce seja atraente e chame a atenção do cliente.

Nada de postar fotos mal tiradas, escuras e que não fazem justiça à qualidade dos produtos que você vende.

Muitas vezes, investir em um fotógrafo profissional faz toda a diferença entre sucesso e fracasso.

Uma boa dica é mostrar os produtos sendo usados por pessoas. Dessa forma, seu futuro cliente consegue visualizar melhor o produto ou serviço.

Se for necessário, utiliza vídeos para explicar como utilizar algo. Mas, para isso, também é preciso fazer vídeos de alta qualidade de imagem, som e edição.

5. E-commerces também precisam de SEO

Otimize o ranqueamento de seu e-commerce utilizando o SEO. Além das palavras-chaves, procure entregar um bom conteúdo para construir o link building e ganhar relevância nos buscadores.

Lembre-se que, quanto melhor o ranqueamento de seu e-commerce, maior a possibilidade de venda.

 

 

4.00 avg. rating (80% score) - 1 vote

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *